(19) 3885-8400


Notícias Santa Ignês
Confira abaixo nossas notícias

Outubro Rosa: Hospitais Samaritano alertam sobre a prevenção do câncer de mama
Publicado em 10/10/2018

Outubro Rosa. Um mês inteiro dedicado às ações de prevenção, informação e estímulo a detecção precoce do câncer de mama. E como de costume, os Hospitais Samaritano Americana, Campinas, Hortolândia e Paulínia além do Santa Ignês, em Indaiatuba, estão reforçando a importância da prevenção à doença.


Seja informando sobre o autoexame, oferecendo palestras para funcionárias e decorando de cor de rosa as recepções, todas as unidades Samaritano estão engajadas com a causa. O plano de saúde PHS Samaritano Saúde também entrou nas ações e desenvolveu banners, cartazes e faixas alusivas à prevenção ao câncer de mama. Os materiais estão na recepção dos pontos de vendas, no Espaço Saúde (do Departamento de Medicina Preventiva), e nos Hospitais. Junto, uma orquídea decora e remete ao tema. Refletores, na cor alusiva a campanha, também estão sendo instalados.


No Hospital Samaritano Americana, a gerente administrativa, Michelle Passoni Bertella, preparou uma programação para as funcionárias “com o objetivo de abordar a importância da prevenção e estimular a realização de exames”. A “Semana Outubro Rosa” teve início no dia 08 de outubro com um dia de beleza e palestra com a Dra. Fernanda Dallora. Já no dia 09, o ginecologista e obstetra, Dr. Renato Neto, abordou a importância da prevenção ao câncer de mama e colo do útero. A psicóloga, Sirley Lourenço, conversará com as colaboradoras da unidade neste dia 10. E por fim, no dia 11, a programação contará com um dia todo voltado para transformação: uma profissional de beleza vai maquiar as funcionárias e fazer limpeza de pele.


No Hospital Santa Ignês, em Indaiatuba, as ações alusivas ao Outubro Rosa contarão com decoração temática, cartazes informativos e uso da tv interna para a veiculação de vídeos voltados a prevenção do câncer de mama. “Aliado a tudo isso, o Serviço de Nutrição e Dietética vai preparar um café com itens saudáveis para as colaboradoras”, disse a Enfermeira do Trabalho, Raquel Neimeir França. Em Campinas, Hortolândia e Paulínia, as unidades estão decoradas e reforçando a importância da prevenção e da detecção precoce da doença.


AUTOEXAME

Para o médico ginecologista, obstetra e mastologista do Hospital Samaritano Paulínia, Dr. João Luís de Genova Corrêa Joaquim, quanto mais rápido um tumor é detectado, maiores são as chances de sucesso no tratamento. “O autoexame deve ser realizado por todas as mulheres, independentemente da idade e, preferencialmente, no período após a menstruação. Sua finalidade baseia-se em identificar nodulações, alterações de forma ou aspecto da mama. Além de proporcionar uma melhor familiarização da mulher à sua mama, facilitando a identificação de futuras alterações nesse órgão”, disse.


O especialista acrescentou que “com relação aos exames, temos o autoexame das mamas, a mamografia, a ultrassonografia, a ressonância magnética e tomossíntese”. “Infelizmente, nenhum deles atua de forma preventiva no câncer de mama. São exames que permitem o diagnóstico precoce da doença”, completou Dr. João Luís.


MAIS COMUM

De acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer), o câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do de pele, responde por cerca de 28% dos casos novos a cada ano. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença. O Instituto estima que em 2018, 59.700 novos casos de câncer de mama sejam diagnosticados.


“De modo geral, a prevenção baseia-se no controle dos fatores de risco e no estímulo aos fatores protetores. Estima-se que por meio da alimentação, nutrição e atividade física é possível reduzir em até 28% o risco de a mulher desenvolver câncer de mama. Controlar o peso corporal e evitar a obesidade, por meio da alimentação saudável e da prática regular de exercícios físicos, e evitar o consumo de bebidas alcoólicas são recomendações básicas para prevenir o câncer de mama. A amamentação também é considerada um fator protetor”, informou o INCA.


Localização:
Avenida Presidente Vargas, 1591
Cidade Nova I CEP: 13334-085 - Indaiatuba/SP



Entre em Contato:
(19) 3885.8400
contato@hospitalsantaignes.com.br
Localização:
Avenida Presidente Vargas, 1591 - Cidade Nova I
CEP: 13334-085 - Indaiatuba/SP



Entre em Contato:
(19) 3885.8400
contato@hospitalsantaignes.com.br


Links Úteis:
- Mapa do Site
- Politica de Privacidade
- Trabalhe Conosco



2life Agência Web